segurança em condomínios

6 dicas de segurança em condomínios: Baixe cartilha de segurança grátis

Garantir a segurança em condomínios é uma tarefa que depende de um trabalho em conjunto. Hoje, com o constante aumento dos índices de violência, todos os cuidados são necessários. Mais do que isso, é preciso o desenvolvimento de rotinas que permitam a identificação de potenciais criminosos.

Diversos especialistas do segmento afirmam que a falta de atenção durante o dia a dia é uma das principais causas para que pessoas acabem sofrendo com assaltos e furtos. Claro que isso não quer dizer que a vítima seja a culpada, mas, muitas situações poderiam ser evitadas com alguns cuidados básicos.

A falta de segurança em condomínios se deve, muitas vezes, a certos hábitos nocivos dos moradores. Esquecer as portas abertas, não prestar atenção em indivíduos suspeitos, deixar que qualquer pessoa entre no local sem se identificar. Tudo isso acaba aumentar o risco do lugar.

Para te auxiliar a tornar a sua rotina e a do seu condomínio mais segura, nós separamos seis dicas essenciais. Elas com toda a certeza irão te ajudar a manter um estado de alerta mais eficaz, evitando, assim, situações perigosas.

6 dicas de segurança em condomínios:

  1. 1. Conheça vizinhos, profissionais de limpeza, seguranças e etc

Conhecer aqueles ao seu redor é a primeira dica de segurança em condomínios. Lembre-se, o convívio em conjunto nos faz ficar desatentos, por isso, é muito importante saber exatamente quem está convivendo com você, para que possíveis pessoas mal-intencionadas sejam identificadas com facilidade.

  1. 2. Fique sempre atento ao ambiente ao seu redor 

Fique sempre alerta, independentemente se você está na rua ou dentro do condomínio. Prestando atenção ao seu redor fica mais fácil notar potenciais agressores ou criminosos. Por isso, sempre fique de olho na movimentação no pátio, principalmente quando entrar ou sair do condomínio.

 

Segurança em condomínios cartilha de segurança US

  1. 3. Atenção para áreas de risco na vizinhança

A segurança em condomínios não envolve apenas o ambiente interno do residencial, mas, também o seu entorno. Evite andar em regiões pouco movimentadas e que você sabe que são perigosas. Lembre-se, às vezes, apenas você estar no lugar errado, na hora errada, pode gerar uma fatalidade.

Além disso, sempre procure se informar com os vizinhos sobre as mudanças nas regiões. Essa troca de informações é essencial para garantir a segurança em condomínios. Lembre-se, o trabalho de assegurar o local é uma tarefa conjunta, logo, sempre mantenha seus vizinhos informados sobre qualquer coisa estranha na região.

  1. 4. Procedimentos de segurança devem ser estabelecidos e seguidos

Se na reunião de condomínio ficou estabelecido que todos os visitantes dos moradores devem preencher uma ficha na portaria, siga essa determinação. Se ela foi estabelecida é porque ela irá ajudar a manter a segurança em condomínios.

Não ignore qualquer regra do gênero estabelecida, isso só irá abrir margem para que possíveis fatalidades possam acontecer. Além disso, incentive que os seus vizinhos também sempre cumpram as determinações. Dessa maneira, todos poderão ficar tranquilos e seguros.

  1. 5. Em viagens, sempre peça para alguém tomar conta da sua casa

Mesmo dentro de condomínios, é muito comum os roubos de móveis e eletrodomésticos. Por isso, se você for viajar ou ficar fora por muito tempo, sempre avise alguém de confiança para tomar conta da sua casa, pode ser um parente, amigo ou vizinho próximo.

É muito comum inclusive, a formação de grupos de segurança entre vizinhos. Neles, todas as pessoas envolvidas assumem a responsabilidade de ficarem atentas a possíveis movimentações suspeitas quando alguém sair ou viajar.

Lembre-se, para garantir a segurança em condomínios é essencial ficar de olho nos detalhes. Qualquer coisa fora do comum deve-se ser alertada aos profissionais de segurança do local e aos moradores.

  1. 6. Baixe nossa cartilha de segurança 

Se você deseja realmente se proteger de potenciais problemas, baixe agora mesmo a nossa cartilha de segurança. Ela foi desenvolvida por especialistas do ramo que estudaram por anos as diferentes formas de se auto-proteger por meio de cuidados e hábitos básicos que fazem toda a diferença.

Além de lê-la, mostre o informativo, também, para os seus vizinhos e os incentive a baixa-lo. Conforme dito no começo do artigo, a segurança em condomínios é uma tarefa conjunta. Logo, é preciso do trabalho e esforço dos moradores para garantir um ambiente tranquilo para todos os inquilinos e visitantes.

Segurança em condomínios cartilha de segurança US

União Social Administração de Condomínios

Leave A Response

* Denotes Required Field